Prevenir e aliviar dores nas articulações
Prevenir e aliviar dores nas articulações

Como prevenir e aliviar dores nas articulações?

0 comentários
< Voltar ao blog

Como prevenir e aliviar dores nas articulações?

As articulações são os pontos de ligação entre dois (ou mais) ossos no nosso corpo. Com um papel crucial para o sistema esquelético, as principais articulações são as que permitem a mobilidade – como os joelhos, os ombros, as ancas, os cotovelos ou os pulsos – e que se revelam também as mais vulneráveis, embora haja articulações de mobilidade limitada (na coluna vertebral, por exemplo) e até algumas que não se movem, como as que unem placas do crânio2.

Estas articulações mais móveis são revestidas por cartilagem (um tecido elástico, resistente e protetor, que ajuda a reduzir o atrito) e contêm líquido sinovial, com uma função lubrificadora1 e que ajuda na sua proteção e nutrição2. No entanto, precisamente por serem tão leves e móveis, são também estas as articulações que acarretam maior risco de lesão. Entre dor crónica e redução da capacidade funcional, as pessoas afetadas por problemas musculoesqueléticos e osteoarticulares veem muitas vezes a sua mobilidade limitada, abdicando de atividades que envolvam esforço físico, com um impacto até na vida social3. Felizmente, há algumas formas simples de prevenir estes problemas, bem como de reduzir a dor e o desconforto e evitar o seu agravamento.

Quais as causas mais comuns de desconforto nas articulações?

Os problemas osteoarticulares são queixas muito frequentes, e que tanto podem ter origem em lesões passageiras como em problemas crónicos. Algumas possíveis causas incluem:

 - Doenças que afetam o aparelho osteoarticular, como as doenças reumáticas (que atacam articulações, músculos e ossos), artrite (nomeadamente a osteoartrite) ou osteoartrose;

- Sobrecargas ou esforço excessivo (que ocorre tanto em atletas profissionais como em pessoas com excesso de peso);

- Vulnerabilidades profissionais, os chamados “ossos do ofício” (como, por exemplo, os estivadores que desenvolvem problemas na coluna, ou os operários da construção civil que se lesionam nos cotovelos devido ao uso repetido de martelos pneumáticos);

- Malformações das articulações ou dos membros, como as deformidades dos joelhos, das ancas ou dos pés;

- Hereditariedade.

 Os sintomas podem ser um bom indicador da causa do desconforto, mas quando a dor persiste durante vários dias, quando se torna recorrente, ou quando interfere com o sono ou com as atividades normais do dia-a-dia, é importante consultar um médico.

O que podes fazer para prevenir ou retardar o aparecimento de dores nas articulações?

Quando confrontados com a dor, estamos habituados a virar-nos para os analgésicos, para os opioides, e para os anti-inflamatórios não-esteroides em busca de um alívio rápido. Embora possam ser eficazes, esses medicamentos não são mais do que um penso rápido – não tratam a origem dos sintomas, e em alguns casos estão associados a efeitos secundários indesejados, especificamente gastrointestinais e cardiovasculares4. Que alternativas ou complementos existem?

Glucosamina e Condroitina

Entre os chamados compostos de ação lenta, encontramos os sulfatos de glucosamina e de condroitina4. São frequentemente combinados em suplementos alimentares para ajudar a aliviar os problemas osteoarticulares, até porque têm funções complementares: a glucosamina ocorre naturalmente nos tecidos humanos, mas é altamente concentrada nas articulações e cartilagem5, reforçando a sua elasticidade, força e flexibilidade; já a condroitina, também presente naturalmente na cartilagem, ajuda a prevenir a rutura dos tecidos e dá suporte mecânico às articulações6.

Vitamina D

A vitamina D ajuda o nosso corpo a absorver e reter cálcio e fósforo, essenciais para a saúde óssea7. Isto torna-a num popular suplemento para a prevenção de osteoporose (e para reduzir o risco de fratura na população afetada por esta doença), protegendo contra o desenvolvimento e a gravidade de doenças reumáticas, e impactando positivamente os sistemas esquelético e imunológico8.

Compostos com ação anti-inflamatória

Há vários compostos que podem ajudar a reduzir a dor e o desconforto. O ómega-3, por exemplo, tem um potencial anti-inflamatório que ajuda a atenuar as dores articulares – é uma popular terapia adjuvante para tratar a artrite reumatóide9. Também o extrato de curcuma, que combina propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, é um suplemento seguro e eficaz no alívio da dor em pessoas com artrite e osteoartrite10. É importante reforçar, ainda assim, que nenhum suplemento substitui uma alimentação saudável e equilibrada, a prática de atividade física regular, e a exposição solar moderada.

Nutrição

Que tipo de alimentação pode então ser benéfica para as articulações? A nossa Dieta Mediterrânica, uma alimentação com propriedades anti-inflamatórias, é um bom princípio: combina produtos ricos em polifenóis (azeite extra virgem, vinho tinto, vegetais, grãos, legumes, cereais integrais, nozes), uma quantidade razoável de ácidos gordos (como o ómega-3) e um consumo reduzido de carnes processadas e açúcares refinados11.

Conselhos práticos

A prática mais eficaz passa por não sobrecarregar as articulações afetadas – o que implica manter um peso saudável e evitar atividades profissionais, desportivas ou recreativas que exacerbem o desconforto. Procura manter uma rotina de exercício físico controlado, que ajude o teu corpo a combater os sintomas, a preservar a mobilidade, e a atrasar o agravamento de qualquer condição crónica.

Referências:

  1. Alexandra Villa-Forte. Articulações. 2022; Available from: https://www.msdmanuals.com.
  2. Tecnifar. Articulações.  [cited 2023; Available from: https://articulacoes.pt/articulacoes.
  3. Raquel Lucas and Maria Teresa Monjardino, O estado da Reumatologia em Portugal. 2010.
  4. Lomonte, A.B.V., et al., Multicenter, randomized, double-blind clinical trial to evaluate efficacy and safety of combined glucosamine sulfate and chondroitin sulfate capsules for treating knee osteoarthritis. Adv Rheumatol, 2018. 58(1): p. 41.
  5. Examine. Glucosamine. 2023  [cited 2023; Available from: https://examine.com/supplements/glucosamine/.
  6. Examine. Chondroitin. 2023  [cited 2023; Available from: https://examine.com/supplements/chondroitin/.
  7. Sassi F., Tamone C., and D'Amelio P., Vitamin D: Nutrient, Hormone, and Immunomodulator. Nutrients, 2018. 10(11).
  8. Charoenngam, N., Vitamin D and Rheumatic Diseases: A Review of Clinical Evidence. Int J Mol Sci, 2021. 22(19).
  9. Sigaux, J., et al., Impact of type and dose of oral polyunsaturated fatty acid supplementation on disease activity in inflammatory rheumatic diseases: a systematic literature review and meta-analysis. Arthritis Res Ther, 2022. 24(1): p. 100.
  10. Zeng, L., et al., The efficacy and safety of Curcuma longa extract and curcumin supplements on osteoarthritis: a systematic review and meta-analysis. Biosci Rep, 2021. 41(6).
  11. Genel, F., et al., Health effects of a low-inflammatory diet in adults with arthritis: a systematic review and meta-analysis. J Nutr Sci, 2020. 9: p. e37.

Aviso legal:
Este artigo não tem a intenção de diagnosticar, tratar ou substituir aconselhamento médico sendo o seu conteúdo apenas para fins informativos. Consulta um médico ou profissional de saúde sobre qualquer diagnóstico médico relacionado com a tua saúde ou mesmo eventuais opções de tratamento. As afirmações feitas sobre produtos específicos neste artigo não são aprovadas para diagnosticar, tratar, curar ou prevenir doenças.

Sugestões Bioself

25% Dietmed Cartilogen 30 Carteiras
Dietmed Cartilogen 30 Carteiras
€22,48 €29,98
35% Farmodiética Reumadol Forte 60 Comprimidos
Farmodiética Reumadol Forte 60 Comprimidos
€25,02 €38,50
25% Naturmil Glucosamina + Condroitina Forte 20 Ampolas
Naturmil Glucosamina + Condroitina Forte 20 Ampolas
€23,80 €31,73
35% Farmodiética Desinflan Force Rx 30 ampolas
Farmodiética Desinflan Force Rx 30 ampolas
€29,18 €44,90
30% Nutridil Flexotan Move 30 Ampolas
Nutridil Flexotan Move 30 Ampolas
€28,59 €40,85
10% Vitalize Glucomotion 120 Comprimidos
Vitalize Glucomotion 120 Comprimidos
€24,27 €26,97

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.