Tudo sobre a Curcuma
Tudo sobre a Curcuma

Curcuma: tudo sobre este alimento

0 comentários
< Voltar ao blog

Curcuma: tudo sobre este alimento

Sabias que a curcuma (Curcuma longa), também conhecida como “açafrão indiano”, é uma planta usada há mais de 4000 anos1? Originária da Ásia - maioritariamente da Índia – pertencente à família do gengibre, a curcuma tem uma longa história de diferentes aplicações: como tempero, como corante (emprestando a sua intensa cor amarela a diferentes pratos) e como medicamento fitoterapêutico2. Na verdade, a primeira aplicação médica da curcuma remonta a 600 a.C., em civilizações antigas3!

 O bioativo mais importante na curcuma é um polifenol chamado curcumina, mas a sua presença no açafrão é reduzida, com uma biodisponibilidade muito baixa. É por isso que, quando queremos usar a curcumina para fins terapêuticos, recorremos a suplementos padronizados que aumentam a biodisponibilidade da curcumina em até 2000%2.

Propriedades e benefícios da curcuma

A curcumina tem vindo a demonstrar vários efeitos promissores para a saúde, graças às suas propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias, anticancerígenas, antidiabéticas, hepatoprotetoras, antialérgicas e neuroprotetoras.4 Vários estudos indicam que a suplementação com curcumina reduz de forma consistente certos marcadores de inflamação e aumenta os níveis de antioxidantes naturais no corpo.5,6

 De forma mais específica, a curcumina pode ser útil para melhorar sintomas de depressão7 e de dor associada à osteoartrite8. Um número crescente de estudos aponta também para uma relação entre a disbiose intestinal e várias doenças metabólicas, que a curcumina ajuda a tratar e prevenir através dos seus efeitos benéficos na microbiota intestinal9. Estes benefícios podem ainda ser úteis para o tratamento da colite ulcerosa, uma doença inflamatória intestinal.10

 Se ainda não te convencemos das potencialidades deste bioativo da curcuma, algumas pesquisas científicas associam-no à melhoria dos lipídios do sangue (colesterol e triglicerídeos)12 e dos marcadores de controlo glicémico13, particularmente relevante para diabéticos. A suplementação de curcumina, combinada com modificações no estilo de vida, é igualmente um apoio significativo na perda de peso.14

Como utilizar a curcuma?

Podes usar a curcuma como especiaria no tempero de vários pratos – desde o caril indiano à cozinha tradicional portuguesa – e em infusões. Contudo, o seu processamento, incluindo moagem, secagem e aquecimento, altera a matriz alimentar e, como consequência, a composição dos polifenóis.4 Se queres incorporar a curcuma na tua alimentação, há algumas estratégias para otimizar a sua biodisponibilidade. Podes combinar a curcuma com:

- Alimentos ricos em lecitina, como ovos ou óleos vegetais4;

- Pimenta preta, porque a piperina, um alcalóide natural da pimenta, melhora a absorção da curcumina4.

No entanto, se queres garantir uma dose segura e eficaz de curcumina, a nossa recomendação passa por suplementos alimentares que contenham curcuma. Consulta um profissional de saúde que possa indicar as doses ajustadas às tuas necessidades individuais.

Referências:

  1. Abd El-Hack, M.E., et al., Curcumin, the active substance of turmeric: its effects on health and ways to improve its bioavailability. J Sci Food Agric, 2021. 101(14): p. 5747-5762.
  2. Jabczyk, M., et al., Curcumin in Metabolic Health and Disease. Nutrients, 2021. 13(12).
  3. Akaberi, M., A. Sahebkar, and S.A. Emami, Turmeric and Curcumin: From Traditional to Modern Medicine. Adv Exp Med Biol, 2021. 1291: p. 15-39.
  4. Dei Cas, M. and R. Ghidoni, Dietary Curcumin: Correlation between Bioavailability and Health Potential. Nutrients, 2019. 11(9).
  5. Ferguson, J.J.A., K.A. Abbott, and M.L. Garg, Anti-inflammatory effects of oral supplementation with curcumin: a systematic review and meta-analysis of randomized controlled trials. Nutr Rev, 2021. 79(9): p. 1043-1066.
  6. Tabrizi, R., et al., The effects of curcumin-containing supplements on biomarkers of inflammation and oxidative stress: A systematic review and meta-analysis of randomized controlled trials. Phytother Res, 2019. 33(2): p. 253-262.
  7. Fusar-Poli, L., et al., Curcumin for depression: a meta-analysis. Crit Rev Food Sci Nutr, 2020. 60(15): p. 2643-2653.
  8. Wang, Z., et al., Efficacy and Safety of Turmeric Extracts for the Treatment of Knee Osteoarthritis: a Systematic Review and Meta-analysis of Randomised Controlled Trials. Curr Rheumatol Rep, 2021. 23(2): p. 11.
  9. Scazzocchio, B., L. Minghetti, and M. D'Archivio, Interaction between Gut Microbiota and Curcumin: A New Key of Understanding for the Health Effects of Curcumin. Nutrients, 2020. 12(9).
  10. Goulart, R.A., et al., Curcumin therapy for ulcerative colitis remission: systematic review and meta-analysis. Expert Rev Gastroenterol Hepatol, 2020. 14(12): p. 1171-1179.
  11. Dehzad, M.J., et al., Effects of curcumin/turmeric supplementation on lipid profile: A GRADE-assessed systematic review and dose-response meta-analysis of randomized controlled trials. Complement Ther Med, 2023. 75: p. 102955.
  12. Saeedi, F., et al., Curcumin and blood lipid levels: an updated systematic review and meta-analysis of randomised clinical trials. Arch Physiol Biochem, 2022. 128(6): p. 1493-1502.
  13. Tian, J., B. Feng, and Z. Tian, The Effect of Curcumin on Lipid Profile and Glycemic Status of Patients with Type 2 Diabetes Mellitus: A Systematic Review and Meta-Analysis. Evid Based Complement Alternat Med, 2022. 2022: p. 8278744.
  14. Mousavi, S.M., et al., The effects of curcumin supplementation on body weight, body mass index and waist circumference: a systematic review and dose-response meta-analysis of randomized controlled trials. Crit Rev Food Sci Nutr, 2020. 60(1): p. 171-180.

Aviso legal:
Este artigo não tem a intenção de diagnosticar, tratar ou substituir aconselhamento médico sendo o seu conteúdo apenas para fins informativos. Consulta um médico ou profissional de saúde sobre qualquer diagnóstico médico relacionado com a tua saúde ou mesmo eventuais opções de tratamento. As afirmações feitas sobre produtos específicos neste artigo não são aprovadas para diagnosticar, tratar, curar ou prevenir doenças.

Sugestões Bioself

25% Dietmed Curcumega Max 10.000mg 60 Cápsulas
Dietmed Curcumega Max 10.000mg 60 Cápsulas
€22,21 €29,61
25% Lamberts Curcuma 20.000mg 60 Tabletes
Lamberts Curcuma 20.000mg 60 Tabletes
€39,88 €53,18
30% Physalis Curcum Actif 30 Comprimidos
Physalis Curcum Actif 30 Comprimidos
€22,97 €32,81
15% Vegafarma Turmeric Max 500ml
Vegafarma Turmeric Max 500ml
€27,67 €32,55
20% Now Curcumin Turmeric Root Extract 95% 60 Cápsulas
Now Curcumin Turmeric Root Extract 95% 60 Cápsulas
€38,75 €48,44

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.